Página inicial | Mapa do site
EMERGÊNCIAS | SOS USUÁRIO | INFORMAÇÕES 24H: 0800 021 0278
  • BR-116/RJ TERÁ MEIA PISTA NO KM-122 ATÉ 28 DE JUNHO


    A CRT avisa aos usuários da BR-116/RJ que, até 28 de junho, o tráfego no km-122 (Santa Guilhermina), em ambos os sentidos dos acessos de entrada e saída da RJ-493, ficará em meia pista para instalação de seis sensores indutivos e três sensores do sistema de análise de tráfego. O serviço será realizado das 8h às 18h. A previsão era de que essa ação fosse concluída no último dia 15, mas, em decorrência da chuva, precisou ser adiada. No caso de mau tempo, poderá ocorrer novo adiamento.
    A Concessionária sugere que os usuários planejem seus deslocamentos com alguma antecedência em função de possíveis retenções mesmo com o fechamento somente de uma faixa por vez das três disponíveis no km-122. O local estará devidamente sinalizado e equipes da CRT serão mantidas no trecho para orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • RADAR DESLIGADO NO KM-101,2


    A CRT avisa os usuários da BR-116/RJ que, em função de determinação da justiça federal de Teresópolis, nesta quarta-feira (20/6), foi desligado o radar do km-101,2 (Monte Olivetti), no trecho da Serra. O projeto para implantação de controladores de velocidade (radares) foi desenvolvido e realizado pela CRT em função de determinações contratuais, com base na metodologia da resolução nº 396 de 13/12/2011 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) e após análise e aprovação da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

  • BR-116/RJ TERÁ PARE E SIGA ENTRE KM-18 E KM-87 PARA RECUPERAÇÃO DE PAVIMENTO

    A CRT avisa aos usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) que, até 29 de junho, trechos da via, entre os quilômetros 18 (Aparecida) e 87 (Comary), terão tráfego em sistema de pare e siga para a realização dos serviços de recuperação do pavimento e pintura da sinalização horizontal (faixas). A interferência acontecerá diariamente das 7h às 17h. Tão logo o serviço esteja concluído em cada trecho, o tráfego será liberado no local.
    A Concessionária sugere que os usuários planejem seus deslocamentos com alguma antecedência em função de possíveis retenções. O local estará devidamente sinalizado e equipes da CRT serão mantidas no trecho para orientação dos motoristas. Para outras informações os usuários da BR-116/RJ devem ligar nos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

  • CRT ALERTA A USUÁRIOS DA BR-116/RJ PARA QUE REDUZAM A VELOCIDADE NO KM-80,3


    A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) alerta os usuários da Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ) para que trafeguem em velocidade reduzida em ambos os sentidos no km-80,3 (Ermitage), onde há a implantação de sinalização emergencial no Trevo do Residencial Ermitage composta por seis redutores de velocidade, sinalização horizontal e vertical de desvio de eixo e regulamentação assim como de supercones indicativos de traçado com iluminação noturna.
    O local está devidamente sinalizado, com equipes da CRT orientando o tráfego de veículos. Outras informações podem ser obtidas pelos números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala), que funcionam em plantão 24h.

Obras | Destaques | Realizações

A partir de 22 de março de 1996, quando assumiu a concessão, a CRT desenvolveu um extenso programa de obras e conservação para dar maior segurança rodoviária e conforto aos seus usuários e aos moradores das comunidades localizadas próximo à Rodovia Santos Dumont (BR-116/RJ).          

Dentre estas intervenções, destacam-se a eliminação de 47 retornos irregulares e cruzamentos em nível, responsáveis pelos maiores índices de acidentes. Para viabilizar retornos e acessos mais seguros, foram construídos cinco viadutos,18,5 quilômetros de ruas laterais, alargamento e reforço de 13.179 metros quadrados de pontes e viadutos, assim como a implantação de 21 passarelas que se somaram às três já existentes e que foram recuperadas. Outro projeto importante foi a implantação do sistema de iluminação pública no trecho da Baixada Fluminense (entre os quilômetros 144,6 e 104). As encostas que margeiam a rodovia também foram priorizadas. Além de um programa de monitoramento permanente, foram realizadas obras de contenção em 204 pontos.

À implantação de sinalização horizontal (faixas) e vertical (placas e pórticos), com material refletivo para melhor visibilidade noturna e sob neblina, somam-se as campanhas de recuperação e reconstrução do pavimento.

 

     

 
CRT - Concessionária Rio-Teresópolis © Copyright 2010 - Todos os direitos reservados. | Webmail